here Cinema

see

#MaratonaOscar – 12 Anos de Escravidão

kanal forex oscar8-617x185
Olha, eu preciso dizer que AMO filmes com temas de escravidão e da vitória do povo negro. Sou projeto negritude, sabe? Tá no sangue! Swing da cor é mais forte do que eu! Sendo assim, sou suspeito pra falar de “12 anos de escravidão”. Chorei tanto vendo, que nem sei.
O filme fala sobre um negro livre que é sequestrado e mudam a identidade dele pra vendê-lo como escravo. O homem sofre o pão que o diabo amassou e passa 12 anos servindo diferetes senhores, embora ele tenha o instinto de homem livre, que sempre o faz ser mais rebelde.

http://www.backclinicinc.com/?jixer=migliori-siti-per-trading-online&1a2=84 12-Years-A-Slave-image-2

http://itsrecycled.com/?nikolsa=Binary-options-bully-review-software-download&3ba=ff O filme é desses de fazer a gente chorar de raiva, de emoção, de indignação, enfim.. é emoção do começo ao fim. É pra gente assistir e ficar pensando que embora muita coisa tenha mudado, na verdade não mudaram tanto assim. As pessoas ainda olham os negros com um olhar diferente e a igualdade está longe de ser uma realidade, né? Isso me faz até sentir falta de “O Mordomo da Casa Branca” entre os indicados, pois é um filme que mostra a história do negro através do tempo e até onde ele conseguiu chegar.

https://www.aliantpayments.com/crypto/287 12 Years A Slave

source site Destaque especial para Lupita N’yongo que merece demais o Oscar de atriz coadjuvante. A moça rouba a cena só com o olhar e só de lembrar dela no filme o meu olho já enche d’água. “12 anos” é a minha aposta de melhor filme do ano, não que eu ache que seja o melhor, mas pelo seu contexto histórico e também para compensar a derrota de “Django” pra “Argo no ano passado. De um jeito ou de outro, “12 anos” é um filme que todo mundo tem que ver pra ter noção do valor da nossa liberdade.

follow Assista ao trailer:

source link click here Classificação:
[semborda] 5 Estrelinhas Glossificadas [/semborda]

por http://trailerparc.ro/?bioksew=guide-binarie-option&e24=56 Diogo Alcantara, 24 de Fevereiro de 2014

POSTS RELACIONADOS

COMPARTILHAR NO FACEBOOK